Estadia em Helsínquia: Soumenlinna, a fortaleza marítima

Uma das excursões que tinha clara para a minha visita à Helsínquia era a fortaleza marítima de Soumenlinna, uma das construções marítimas-militares mais grandes que há no mundo. Se a isto juntamos que é uma das atrações mais visitadas da Finlândia, que é um lugar declarado patrimônio da humanidade pela UNESCO ( não entendo minha fixação por esta lista de monumentos...), pois já vedes que não tive dúvida em aproximar-me até lá durante a minha viagem por terras nórdicas. 
Porque visitar Soumenlinna 
É um passeio fácil de fazer, não muito cara, apto para todos os públicos e diria que até é ideal para as crianças. Tem uma viagem de barco, a partir de Helsínquia, que dura apenas 20 minutos e onde se pode desfrutar de belas vistas da cidade e de sua costa. Além disso, é um lugar ideal para misturar com os locais que vão lá passar o dia, um frigorífico e uma cadeira de praia na mão, qual españolito de a pé, que mora perto da praia. E a visita não leva mais de 4 horas, pelo que se pode combinar bem com seus dias em Helsínquia. 
Quando ir 
Você pode ir no verão ( de 2 de maio a 30 de setembro), como fizemos nós e você poderá verificar como o bom tempo que faz com que muitos moradores de Helsínquia venham aqui para passar o dia. Esta fortaleza insular é visitável de 10 a 18 no verão. E no inverno ( de 1 de outubro a 30 de abril ) 10:30 às 16:30, mas como você pode imaginar, é muito provável que você encontre nevada por completo. 

Como ir 
Soumenlinna, só é acessível por água e há duas formas de chegar até ela: 
– Os ferries ( operam todo o ano) partem desde o lado oriental da praça do Mercado da cidade. Além disso, este serviço faz parte do HSL ( aqui horários) ou o serviço de transporte da cidade e, por isso, se você tem a Helsínquia card não haveis de oferecer nada. 
– Autocarro aquático JT-line (opera apenas no verão). Partem a cada 30 minutos e custa 6,50 euros ida e volta. Aqui os horários e preços. 
Um pouco de história 
– Esta fortaleza insular foi fundada em 1748, em frente à costa de Helsínquia, com o objetivo de defender a cidade dos ataques dos inimigos e de ter pertencido a suecos e russos até chegar a ser o da Finlândia. 
– Foi usada como campo de prisioneiros durante a guerra da Finlândia. 
– Também é chamada de Sveaborg no idioma sueco. 
– Em 1991, foi declarada Patrimônio da humanidade pela UNESCO como exemplo de arquitetura de fortificação. 
– Atualmente é um bairro com mais de Helsínquia e aqui vivem mais de 800 pessoas. 

Soumenlinna em números 
– Mais de 700.000 visitantes a cada ano. 
– 800 hectares. 
– 8 ilhas unidas entre si. 
– 290 edifícios. 
– 6 museus e 9 restaurantes. 
– 850 habitantes. 
Meu vídeo sobre Soumenlinna 

10-pontos de interesse em Soumelinna. 
Nesta ilha fortaleza há muito o que ver, assim, que a visita levará em torno de 4 horas: 
1 - Fazer o percurso a pé pelos caminhos da fortaleza. Estão bem sinalizados e passa-se pelos pontos mais representativos da mesma. 
2 - Museu de Soumenlinna: construção, a história e a vida na ilha. Inclui uma projeção sobre a história da ilha em 8 línguas incluindo o português. 
3 - Museu do brinquedo: Se você vai com crianças, este pequeno museu com brinquedos de princípios do século XX vos pode interessar. 
4 - Igreja de Soumenlinna: Construída como um templo católico ortodoxo em 1854, e é, hoje em dia, igreja evangélica luterana do brasil. Como curiosidade dizer que a agulha da igreja faz as funções de farol para o tráfego aéreo e marítimo. 
5 - Pátio de armas: Este pátio foi a praça principal da fortaleza, desde o século XVIII. Aqui está outro museu interessante: o Ehrensvard, primeiro comandante desta fortificação. 


6 - Kustaanmiekka: A linha de defesa costeira de fortaleza está cheia de canhões, bancos de areia, bunkers e, além disso, oferece as melhores vistas desta construção. 
7 - Submarino Vesikko: Ver um submarino finlandês dos anos 30 por dentro é no mínimo curioso. Preço: 2 euros. 
8 - Túneis: Não vos podeis passear um passeio pelos inúmeros túneis que estão conectados por toda a fortaleza. Id com cuidado e ajudá-los de alguma luz porque são estreitos e muito escuros.... 
9 - Porta do rei: O símbolo desta fortificação marítima foi construído em 1754, como acesso principal da fortaleza, já que por aqui entrou o Rei Adolfo Frederico da Suécia, em sua primeira visita à fortaleza. 
10 - Dique seco: Um dos diques secos mais antigos do mundo, onde se construíam os navios da frota sueca no século XVIII. Hoje em dia são restaurados barcos antigos de casco de madeira. 


Dados de interesse 
– Página oficial com mapas, folhetos, guias.... http://www.suomenlinna.fi/en 
– Em wikipédia: http://es.wikipedia.org/wiki/Suomenlinna

Uma das excursões que tinha clara para a minha visita à Helsínquia era a fortaleza marítima de Soumenlinna, uma das construções marítimas-militares mais grandes que há no mundo. Se a isto juntamos que é uma das atrações mais visitadas da Finlândia, que é um lugar declarado patrimônio da humanidade pela UNESCO ( não entendo minha fixação por esta lista de monumentos…), pois já vedes que não tive dúvida em aproximar-me até lá durante a minha viagem por terras nórdicas.
Porque visitar Soumenlinna
É um passeio fácil de fazer, não muito cara, apto para todos os públicos e diria que até é ideal para as crianças. Tem uma viagem de barco, a partir de Helsínquia, que dura apenas 20 minutos e onde se pode desfrutar de belas vistas da cidade e de sua costa. Além disso, é um lugar ideal para misturar com os locais que vão lá passar o dia, um frigorífico e uma cadeira de praia na mão, qual españolito de a pé, que mora perto da praia. E a visita não leva mais de 4 horas, pelo que se pode combinar bem com seus dias em Helsínquia.
Quando ir
Você pode ir no verão ( de 2 de maio a 30 de setembro), como fizemos nós e você poderá verificar como o bom tempo que faz com que muitos moradores de Helsínquia venham aqui para passar o dia. Esta fortaleza insular é visitável de 10 a 18 no verão. E no inverno ( de 1 de outubro a 30 de abril ) 10:30 às 16:30, mas como você pode imaginar, é muito provável que você encontre nevada por completo.

Como ir
Soumenlinna, só é acessível por água e há duas formas de chegar até ela:
– Os ferries ( operam todo o ano) partem desde o lado oriental da praça do Mercado da cidade. Além disso, este serviço faz parte do HSL ( aqui horários) ou o serviço de transporte da cidade e, por isso, se você tem a Helsínquia card não haveis de oferecer nada.
– Autocarro aquático JT-line (opera apenas no verão). Partem a cada 30 minutos e custa 6,50 euros ida e volta. Aqui os horários e preços.
Um pouco de história
– Esta fortaleza insular foi fundada em 1748, em frente à costa de Helsínquia, com o objetivo de defender a cidade dos ataques dos inimigos e de ter pertencido a suecos e russos até chegar a ser o da Finlândia.
– Foi usada como campo de prisioneiros durante a guerra da Finlândia.
– Também é chamada de Sveaborg no idioma sueco.
– Em 1991, foi declarada Patrimônio da humanidade pela UNESCO como exemplo de arquitetura de fortificação.
– Atualmente é um bairro com mais de Helsínquia e aqui vivem mais de 800 pessoas.

Soumenlinna em números
– Mais de 700.000 visitantes a cada ano.
– 800 hectares.
– 8 ilhas unidas entre si.
– 290 edifícios.
– 6 museus e 9 restaurantes.
– 850 habitantes.
Meu vídeo sobre Soumenlinna

10-pontos de interesse em Soumelinna.
Nesta ilha fortaleza há muito o que ver, assim, que a visita levará em torno de 4 horas:
1 – Fazer o percurso a pé pelos caminhos da fortaleza. Estão bem sinalizados e passa-se pelos pontos mais representativos da mesma.
2 – Museu de Soumenlinna: construção, a história e a vida na ilha. Inclui uma projeção sobre a história da ilha em 8 línguas incluindo o português.
3 – Museu do brinquedo: Se você vai com crianças, este pequeno museu com brinquedos de princípios do século XX vos pode interessar.
4 – Igreja de Soumenlinna: Construída como um templo católico ortodoxo em 1854, e é, hoje em dia, igreja evangélica luterana do brasil. Como curiosidade dizer que a agulha da igreja faz as funções de farol para o tráfego aéreo e marítimo.
5 – Pátio de armas: Este pátio foi a praça principal da fortaleza, desde o século XVIII. Aqui está outro museu interessante: o Ehrensvard, primeiro comandante desta fortificação.

6 – Kustaanmiekka: A linha de defesa costeira de fortaleza está cheia de canhões, bancos de areia, bunkers e, além disso, oferece as melhores vistas desta construção.
7 – Submarino Vesikko: Ver um submarino finlandês dos anos 30 por dentro é no mínimo curioso. Preço: 2 euros.
8 – Túneis: Não vos podeis passear um passeio pelos inúmeros túneis que estão conectados por toda a fortaleza. Id com cuidado e ajudá-los de alguma luz porque são estreitos e muito escuros….
9 – Porta do rei: O símbolo desta fortificação marítima foi construído em 1754, como acesso principal da fortaleza, já que por aqui entrou o Rei Adolfo Frederico da Suécia, em sua primeira visita à fortaleza.
10 – Dique seco: Um dos diques secos mais antigos do mundo, onde se construíam os navios da frota sueca no século XVIII. Hoje em dia são restaurados barcos antigos de casco de madeira.

Dados de interesse
– Página oficial com mapas, folhetos, guias…. http://www.suomenlinna.fi/en
– Em wikipédia: http://es.wikipedia.org/wiki/Suomenlinna




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *